A segunda edição o Prêmio UniAvan de Inovação em Práticas de Ensino-aprendizagem, troféu Professora Elisangela Maschio de Miranda, reconheceu os três melhores projetos de professores da instituição que tenham como foco iniciativas inovadoras adotadas em sala de aula. O prêmio levou em conta os resultados substantivos, quantitativos e qualitativos das ações.

A grande vencedora foi a professora Gabriela Piske, em segundo lugar ficou o docente Victor Eduardo Cury Silva e em terceiro lugar o professor Wanderley Pivatto Brum.

 

“Agradecemos a participação dos professores que dedicaram tempo para escreverem os seus relatos, bem como que foram capazes de inovar e dar um novo ânimo à dinâmica das aulas que oferecemos aos nossos alunos, de modo que, com isso, possamos continuar figurando entre as melhores instituições de ensino superior de Santa Catarina”, destacou o coordenador do Núcleo de Apoio Técnico-pedagógico, André Gobbo.

Homenagem:

Em sua segunda edição, esse concurso homenageia a Prof. Elisangela Maschio de Miranda, que faleceu em 2016 vítima de câncer. Trabalhou entusiasticamente na então Faculdade Avantis, mais especificamente junto ao curso de Sistemas de Informação. Possuía graduação em Ciência da Computação pela Universidade do Vale do Itajaí (2000), graduação em Tecnologia Em Processamento de Dados pela Universidade do Contestado (1996), especialização em Docência no Ensino Superior pela Faculdade Avantis (2014) e mestrado em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2004).