Av. Marginal Leste, 3600
Balneário Camboriú, SC
47 3363-0631

Visita técnica mapeia boas práticas relacionadas à educação, meio ambiente e sustentabilidade

Visita técnica mapeia boas práticas relacionadas à educação, meio ambiente e sustentabilidade

Trabalho de campo do curso de Pedagogia discutiu meio ambiente e sustentabilidade na perspectiva educacional e social.

 

 O curso de Pedagogia, polo Itapema, realizou na última semana uma visita técnica à Ilha de Porto Belo, com intuito de identificar boas práticas relacionadas à educação, meio ambiente e sustentabilidade, além de discutir o tema na perspectiva educacional e social. Durante a ação, os acadêmicos puderam mapear um dos espaços que privilegiam práticas sustentáveis na região.

O percurso do passeio na ilha teve início com uma trilha de cerca de 1h30min, em que, acompanhados por um guia turístico, eles foram apresentados à mata nativa e animais que habitam a localidade, compreenderam detalhes sobre a administração do local, visitaram um mirante e conheceram o Ecomuseu do lugar.

A visita ainda contou com uma breve palestra sobre a necessidade de cuidados relativos ao meio ambiente, no que se refere ao uso de canudinhos de plástico, descarte de materiais como vidros e plásticos e bitucas de cigarro.

Segundo a coordenadora do curso de Pedagogia, Mara Regina Zluhan, a saída proporcionou aos participantes identificar que, através de desempenho social,  a ilha realiza atividades que beneficiam a comunidade, acreditando na participação comunitária e em valores de cidadania empresarial. “Além disso, os recursos naturais são preservados, respeitando o meio ambiente por meio de ações e políticas que integram homem e natureza”, comenta.

Já a professora Juliana P. Mafra, explica que atividades como essa são de fundamental importância para que o estudante possa visualizar na prática os conceitos da disciplina de Educação, Meio Ambiente e Sustentabilidade. “Além de conhecer projetos inovadores voltados à práticas sustentáveis, os futuros pedagogos precisam desde já perceber a importância de percorrer espaços de aprendizagem além da sala de aula”, pontua Juliana.

Share